"As cores são minha obsessão, meu divertimento e meu tormento de todos os dias" (Monet)

25/08/2010

RETRATOS

Técnica mista - acrílica e pastel seco em marouflage s/ tela
"Não extinga sua inspiração e sua imaginação; não se torne escravo do seu modelo" (Vincent Van Gogh)

-->


Para um retratista, nada pode falar mais sobre as emoções de uma pessoa do que a expressão de seu rosto. E expressão tem mais a ver com a boa interpretação do artista, sua sensibilidade e sua capacidade de observação, do que a técnica da pintura e as cores usadas.

Por exemplo: O modo como olha para algo pode nos transmitir mais sugestão sobre a personalidade do modelo do que os olhos realisticamente pintados. A posição das sobrancelhas pode ser um forte indicativo de tensão, tranquilidade ou concentração. Outros fatores, como a disposição dos lábios e a aparência da testa são indicadores seguros de alegria, tristeza, irritação e tantos outros sentimentos. E se uma boca sorri, todo o resto tem que parecer igualmente “sorrindo”. Retratar apenas uma boca aberta com os dentes à mostra, sem atentar para o resto, resultará num verdadeiro desastre. E o enquadramento, o ângulo e a perspectiva são fundamentais para que o modelo não fique caricato ou com cara de retrato-falado.

Transmitir a expressão de um rosto não é, contudo, uma tarefa das mais simples. Há tantos detalhes significativos que geralmente é difícil escolher aqueles que melhor traduzem a emoção do modelo. Os olhos e a boca são pontos cruciais neste aspecto, mas nem sempre bastam para chegar-se ao resultado pretendido.

A variação de expressões faciais é praticamente ilimitada, e só aprenderemos a captá-las dedicando muito do nosso tempo a estudá-las. Eu sempre preferi usar uma fotografia bem tirada como referencia ao invés de um modelo vivo. Porém, eu quase desisti de aceitar encomendas para retratos. Gosto muito de pintá-los, mas tenho mais liberdade quando os modelos são anônimos, retirados de revistas ou pessoas que eu fotografo discretamente com o meu celular.

Nunca gostei de pintar nada que me fosse imposto limitando minha liberdade de composição, e isto era o que muitas vezes acontecia comigo. Algumas vezes era obrigada a me deparar com a seguinte recomendação: “veja lá, hem, não vai pintar os meus pés-de-galinha!"...ou... “Será que não dá pra você aumentar um pouco os meus lábios?”... “Dá uma suavizada no ângulo do meu queixo, tenho um rosto masculinizado”... “E se você pintasse meus olhos um pouco maiores?...”

Vocês devem achar que eu estou brincando, não é mesmo?... Mas, não estou. Ouvi muitas e muitas vezes este tipo de coisa, e fiquei tão pasmada como vocês devem estar nesse momento. Queriam mesmo transformar meus pincéis em bisturi de cirurgião plástico.

Outra coisa que quase me fez desistir de pintar retratos por encomenda, foi a insistência por parte de alguns de desejar uma pintura realística, como uma fotografia. Nada contra, existem retratistas maravilhosos cujo valor de suas obras está justamente concentrado na riqueza de detalhes e perfeição dos tons de pele, cabelos e etc... Porém, meu foco é outro e se chama inovação. Encontro-me hoje na faze de fugir do convencional, sair do lugar comum e experimentar coisas improváveis. Ando mais na fase de reinventar o mundo.

14 comentários:

  1. Ai, Sueli, fiquei eu rindo aqui! Porque, confesso, quando comecei a ler o seu, brilhante, texto, a primeira coisa que me veio a cabeça foi: e se ela me pintasse, com que olhos eu me veria através do olhar de outra pessoa? Porque o artista faz isso: ele interpreta a imagem, a fraciona, modifica e o resultado sai alterado, profundamente criativo. Ai, que pena que você não aceita encomendas, pois foi a primeira vez (sem rasgação de seda, viu, que não sou chegada a isso!) que vi um retrato e pensei que gostaria que o meu fosse pintado... Um beijo, belo post! Deia

    ResponderExcluir
  2. Sueli,


    Uma belíssima tela emoldurada por um lindo texto poema!

    ...amo retratos autênticos,àqueles que retratam mais que o retrato, a leitura de quem vê "verdadeiramente"!



    Seu blog é um encanto!

    Um abraço, Marluce

    ResponderExcluir
  3. Taí, amiga, você me convenceu: quer pintar, inovar, colocar seu estilo e não tirar uma fotinho 3x4... durinha. Bem que eu poderia mandar uma fotinho, até me sujeitaria a profundas inovações, o que me daria muita satisfação em servir de seu modelo...rsr

    Gostei do pedido das clientes, mas elas estão pedindo Photoshop! E você não percebeu, Sueli?
    Você é ótima!

    Beijos
    Tais luso

    ResponderExcluir
  4. Muito bem, Sueli. Concordo plenamente. Quem quer encomendas desse tipo "arranjado" já pode contar com os recusros do famigerado fotoshop. Arte é outra coisa e você não pode estragar o seu talento a serviço de vaidades incorporadas e incorporáveis. Abração. paz e bem.

    ResponderExcluir
  5. Adimiro quem sabe transpor para o papel as imagens que tem em mente.

    Parabéns!!

    Bj

    ResponderExcluir
  6. Olá Sueli,

    pois aqui estou porque gostei do teu trabalho e das tuas "escrivinhações".

    Por isso te sigo desde Portugal...

    Convido-te a que me visites... Estados de Alma
    Oxalá gostes e fiques.

    Um beijo e que tenhas um excelente final de semana.

    ResponderExcluir
  7. Estoy encantada de leerte y de ver esta maravilla que acabas de pintar.
    Al final leerte me va a reportar aprender cómo enfocar el pintar una cara y los diferentes factores que contribuyen a realizar su expresión en el momento que se hace.
    Tienes una manos estupendas para transmitir dulzura a tus obras.
    Podría escribirte en gallego que es lo más parecido al portugués, pero me expreso mejor en castellano.
    Enhorabuena y un saludo

    ResponderExcluir
  8. Sueli, MARAVILHOSO a tela, MARAVILHOSA vc!!! bjo.

    ResponderExcluir
  9. Olá M. Sueli,
    Desculpe,eu sei, já deveria ter-lhe agradecido há muito tempo, suas amáveis palavras...ainda mais valiosas para mim, porque a a Sra. é uma optima professora! Muito obrigada.
    Desejo-lhe muita felicidade e tudo de bom.
    Um beijinho.Atentamente
    Glória

    ResponderExcluir
  10. Seu Blog é uma escola pra mim...
    O pouco que li hoje eu arendi tanto!
    Voce em uma maneira simples e detalhada de ensinar quando se expressa.
    Li muitos post... Aquele onde diz da compra da casa em um lugar divino, eu amei cada detalhe daquele texto!
    Quando eu tinha 19anos eu sentei em uma praça da capital do ES para uma pessoa me desenhar, e quando ele me entregou o desenho eu senti raiva, porque nao era eu, nem a pinta que eu havia em meu rosto ele colocou, rsrsrs
    E agora lendo este seu texto pude entender o porque dele ter criado uma Aymée diferente daquela que eu via no espelho.
    Uma pena ter entendido isto somente hoje, pois aquele desenho eu joquei fora, porque senti raiva, rsrs
    Estarei sempre visitando pra ler tudo que tem ja add anteriormente, bjus

    ResponderExcluir
  11. No final de mais uma lição,
    anotei cuidadosamente.... (E depois,
    lá tinha que ficar com a cara da d.maria
    no prego)!!!

    Beijo

    ResponderExcluir
  12. Olá Sueli!
    Já tinha saudades de passear por aqui e ler os seus artigos.
    Realmente um artista não tem que pintar aquilo que lhe exigem mas sim aquilo que vê e sente.
    Gostei bastante destes dois quadros,especialmente deste que acho fantástico!
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Oi, Sueli, Estou tentando acessar um texto com o título ESPATULADO, mas ele não aparece...
    Abraços.

    ResponderExcluir

Tua visita me deixa muito feliz e o teu comentário é importante para o meu aprimoramento. Aceito sugestões, críticas construtivas e elogios, naturalmente, que não sou boba, né... rs. Só não aceito e nem vou publicar comentários anônimos com gracinhas sem graça e ofensas de gente desocupada. Aos anônimos peço que assinem, por favor.

A todos meus agradecimentos e meu carinho!

Sueli Gallacci