"As cores são minha obsessão, meu divertimento e meu tormento de todos os dias" (Monet)

29/05/2011

Cores quentes. Cores frias




Acrílica e pastel oleoso sobre tela
(clique na foto)

Quando comecei a pintar, desde cedo descobri que o que eu mais queria era ter liberdade de expressão. Não me prenderia a nenhum tipo de compromisso a fim de ganhar nome e prestígio, muito pelo contrário, queria experimentar de tudo e pintar somente o que me desse prazer. Até respeito e admiro os artistas que passam uma vida inteira com uma paleta padrão pintado sempre o mesmo tema, na mesma técnica e etc. Sei também que o estilo de um artista se torna a sua marca e o fará ser reconhecido para sempre, mas definitivamente  não é a minha praia. Sou eclética, gosto de quase tudo e não me satisfaz apenas um ou dois estilos. Não se trata de fases, ou uma constante mutação, faço tudo ao mesmo tempo; me considero uma artista plural, e é assim que pretendo continuar.

Pablo Picasso disse certa vez que pintava as coisas como ele as imaginava e não como ele as via. Foi pensando nisso que coloquei em prática um desejo antigo: pintar retratos e nus de maneira não convencional, ou seja, substituir a tradicional cor da pele por cores fantasiosas. Digo sem medo de errar que dessa forma é mil vezes mais prazeroso. Talvez seja porque me sinto mais livre e o meu potencial criativo fica mais evidente.

Para pintar esse nu escolhi uma paleta que tivesse suficientemente cores frias e quentes, além das chamadas "cores de ligação", que são os cinzas neutros: são esses que dão um relativo "refresco" à obra como um todo. Nesse caso, as cores de ligação tiveram outro papel importante, que é dar equilíbrio na saturação, uma vez que usei cores complementares: o azul e o vermelho alaranjado.

É bom lembrar que mesmo dentro das famílias de cores frias existem algumas que nos parecerão mais quentes - alguns azuis são bem mais quentes que outros, por exemplo. O contrário também é verdadeiro, existem vermelhos e amarelos mais frios do que outros. 

Outra coisa que devemos lembrar é que cores quentes aproximam as imagens e cores frias distanciam. Isso é muito importante, pois muitas vezes é essa ilusão de ótica que definem uma perspectiva convincente.

Agora só resta dizer que eu curti pacas fazer esse trabalho! (”pacas” – que coisa mais antiga! Tenho que atualizar as minhas gírias rsrs)




*A foto em branco e preto nos dá uma noção exata da variedade de valores tonais. É sempre bom convertemos nossas fotos em branco e preto para descobrirmos se estamos, ou não, nos valores corretos. Às vezes faço estudos em branco e preto antes de iniciar um trabalho. Faço no bloco de desenho com lápis, pastel seco, ou mesmo com a própria tinta. Para se obter um bom resultado não precisamos de muitos valores tonais: bastam de 3 a 5. Nesse nu usei apena 4 valores.

14 comentários:

  1. kkkkkk, começo pelo seu fim: 'pacas'... Adorei, também devo ser antiga, sou fiel às velhas gírias.

    Quanto a este 'Nu', achei belo pacas! Também gosto de liberdade quando me expresso na escrita, não gosto de seguir padrões estabelecidos, cairia num desprazer.

    Gosto da sua pintura justamente porque você não se amarra, não tem compromisso, e isso é que surpreende. Você sabe jogar em muitas 'posições'. Vem de você sempre algo que eu não esperava. E está aí o seu valor, minha opinião, né amiga?!
    Gostei disso aí ambaixo:

    “Digo sem medo de errar que dessa forma é mil vezes mais prazeroso. Talvez seja por que me sinto mais livre e o meu potencial criativo fica mais evidente”.

    Adorei quando você me enviou este nu psicodélico em duas versões, e não soube dizer qual mais linda. Falo em 'psicodélico' no mais alto dos elogios! Diz-se daquilo ou daquele que se distingue do meio tradicional.

    Seus textos não só apresentam a obra, como vem também com uma ótima aula, tudo bem explicadinho... Cada nu que você apresenta penso ser o melhor, aí vejo que me enganei. Por isso não direi mais que este é o melhor: tenho certeza que virão outros sempre mais lindos, apesar deste estar fora de série!

    Beijão, amiga, você é o máximo. Voltamos aos e-mails... kkk
    Tais Luso

    ResponderExcluir
  2. Oi Su!! Adorei esse nu, e achei muito interessante vê-lo em preto e branco - e entender como ele "funciona". Sempre uma aula gostosa a visita! Beijocas, Deia

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Você sabia que LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais), que é o idioma em que os surdos se comunicam, é a segunda língua oficial do Brasil?

    Com objetivo de expandir a língua de sinais um grupo de professores e alunos da escola Lauro Müller em Florianópolis criou o BLOG VEJO VOZES e por conta disso estamos aqui lhe convidando para fazer parte da nossa história.

    Se você entende que nosso país precisa de educação com qualidade e que a inclusão é um direito de todos, venha nos conhecer. O endereço é:

    http://eeblmlibras.blogspot.com/

    Abraços fraternos

    ResponderExcluir
  4. Amei!
    Inovar... testar... tentar...se errar poder recomeçar... reinventar!

    Lindo "NU", completo em sua escrita...


    Arte bela vida...

    ResponderExcluir
  5. Ah, menina, gostei pacas desse nu!!!...rs

    Eu adoro trabalhar com vermelho e azul...não consigo me achar nas cores se não dou uma bela "esquentada" no meu trabalho...rs

    Obrigada pela dica do preto e branco...vou tentar fazer isso, depois te conto.

    Beijão e ótima quinta-feira!

    ResponderExcluir
  6. Pois é Sueli....uma maravilha de cores...Diria que são as apropriadas...outras não ficariam bém...
    Como eu gostava de chegar aí....mas a verdade é que não faço por isso....
    Acho que já não vale a pena o esforço...
    Quanto ao curtir 'pacas'...agora usa-se
    o curtir 'Bué'..rsrsrs
    Obrigado pela borla da lição...
    Beijo

    ResponderExcluir
  7. Pois adorei pacas, amiga!
    Adoro te ler!
    Beijos meus!

    ResponderExcluir
  8. Oi, minha amiga, tenho pintado cores meio tristes em palavras.
    Mas daqui a pouco eu enlouqueço.
    Rs rs
    E pintarei cores bem vivas, alegres. Farei poemas coloridos, tão lindos quanto suas pinturas.
    Um bj
    com carinho
    Fátima

    ResponderExcluir
  9. Oi Su... adorei viu, muito lindo!!! bjo,

    ResponderExcluir
  10. Olá Sueli,
    um brinde à nova postagem!
    Adorei o nu, a leveza do acrílico, esses grafismos de esboço, os retoques de giz... Tudo muito bom e moderno! Quanto a gírias "vencidas" eu também uso. afinal elas estão nas nossas raízes culturais( pô bicho tá jóia pacas ). Você pode se imaginar falando gíria de funkeiro?
    Parabéns pelo trabalho.
    Um abraço do atelier, Loyde manda beijos.

    ResponderExcluir
  11. Oi Su,

    Passando para deixar um grande beijo e matar as saudades!
    Agora estou de volta à blogosfera!
    Beijossss

    ResponderExcluir
  12. Oi Sueli!

    Obrigada pelas palavras de incentivo! Eu trabalho quase exclusivamente com fotos que acho interesantes e essa foi uma delas, exatamente pelo que vc notou: são apenas mãos mas dizem tudo!

    Um beijo grande e obrigada pela visita!

    Lu

    ResponderExcluir
  13. Ótima dicas ! Estou curtindo muito seu site Sueli. Estou "mergulhado" nas artes plásticas já algum tempo,e temos algo mais para aprender. Alunos sempre ! Todos os temas do site são importantes,sem exceção,pois cada tem sua técnica o que ajuda a aprimorar mais e melhor. Eu também gosto de ser eclético,alternando os temas,ora paisagens,marinhas,flores,e não deixo de pintar figuras humanas. (conselho de um professor da Pinacoteca do Est.de SP quando cursei modelo vivo...lá pelos anos..(nem me lembro mais...) Até a próxima Sueli ,parabéns pelas suas obras e também pelo esclarecedor site de pintura. Grande abraço !
    Roberto Mendes - ACLA - Academia Cachoeirense de Letras e Artes- Artista Plástico,
    cadeira Nº30. Cachoeira Paulista - SP

    ResponderExcluir
  14. Roberto Mendes : email : roberto.arjmendes@gmail.com

    Parabéns Sueli ! Excelente site sobre Pintura !
    Roberto Mendes - Cachoeira Paulista - ACLA - Academia Cachoeirense de Letras e Artes -Artista Plástico e Editor Artístico, cadeira Nº 30

    ResponderExcluir

Tua visita me deixa muito feliz e o teu comentário é importante para o meu aprimoramento. Aceito sugestões, críticas construtivas e elogios, naturalmente, que não sou boba, né... rs. Só não aceito e nem vou publicar comentários anônimos com gracinhas sem graça e ofensas de gente desocupada. Aos anônimos peço que assinem, por favor.

A todos meus agradecimentos e meu carinho!

Sueli Gallacci